Ao falar sobre dicas de economia para caminhoneiros, vale lembrar, que 58% das mercadorias que circulam no país, são responsabilidade do transporte de cargas no sistema rodoviário. Estima-se que hoje, quase de 2 milhões de brasileiros trabalham com caminhões. Assim, já se entende o tamanho da importância desse setor para a economia!

Aumentar a lucratividade é um desejo de qualquer caminhoneiro, principalmente em períodos de baixa demanda. Neste contexto, o ideal é buscar viagens mais econômicas. Controlar os gastos e o desgaste do caminhão, de forma a melhorar as margens de lucro. No entanto, sabemos que um dos principais gastos que esses profissionais possuem é com o combustível. Seja pelas longas viagens ou pela carga em si que exigem um consumo maior. Por isso, separamos algumas dicas de economia para você caminhoneiro. Confira!

Crédito de imagem/Arte: Guilherme Cipriani

Dicas de economia para caminhoneiros: Faça sempre a manutenção

A manutenção do caminhão é um dos principais itens entre os gastos dos caminhoneiros. Mas, a manutenção preventiva mantém o veículo rodando em condições mais próximas das de fábrica. O que significa maior eficiência energética, diminuindo o gasto com combustível. Além disso, ela evita que o caminhão tenha problemas inesperados durante uma viagem, o que pode causar a perda de prazos.

Outra grande economia gerada pela manutenção preventiva, é o gasto com os pneus. Que assim como o gasto com combustível, são uns dos maiores gastos dos caminhoneiros. Manter os componentes como freios, suspensão e rolamentos em dia, influenciam no desgaste dos pneus. Os serviços de alinhamento e balanceamento também devem ser feitos periodicamente. E a calibragem precisa estar sempre de acordo com as recomendações do fabricante. No final, pode parecer um gasto, mas a manutenção preventiva é um investimento econômico. Já que, sai mais barata a revisão, do que o reparo e troca de peças.

Planeje a sua viagem

O descuido com o planejamento de uma viagem é algo que até os caminhoneiros mais experientes costumam fazer. Esse tipo de comportamento leva a vários prejuízos. Sendo o principal deles relacionado ao desperdício de tempo. E não é difícil entender por que. Quem não se planeja perde horas e dias importantes na estrada. Por conta disso, atrasa algumas entregas e deixa de fazer outros fretes que renderiam um bom dinheiro. Dê preferência a rotas conhecidas, as desconhecidas geralmente são menos movimentadas e as chances de roubos – ou mesmo acidentes devido má condições da estrada – são bem maiores.

Dependendo da rota, se não planejada, pode ter aumento de consumo de combustível, devido também as condições da estrada ou até mesmo por ser mais longa. Deixando sua viagem ineficiente. Está ai então, mais uma dica de economia para os caminhoneiros: Planeje sua rota e saberá encontrar postos com o melhor custo benefício e confiabilidade, locais para descanso, além de optar por pedágios mais baratos e estradas mais eficientes.

Dirija da forma Defensiva

Aqui está uma outra boa dica de economia para os caminhoneiros, dirigir com cautela, não só contribui para um trânsito mais tranquilo, diminuindo o estresse do dia a dia, como também reduz o consumo. Ao evitar paradas bruscas e aceleradas constantes, o veículo pode aproveitar melhor a energia gerada, além de evitar a injeção desnecessária de combustível. Algumas orientações simples já bastam, como andar sempre com o tanque cheio, evitar fazer paradas bruscas ou acelerar constantemente, descer ladeiras engatado, evitar o uso constante do ar condicionado e estar sempre com os pneus calibrados e o motor regulado.

Economia para caminhoneiros: Leve seu alimento de casa

Muitos imaginam que as geladeiras para caminhão, acabam aumentando seus gastos durante a viagem, mas o que acontece é exatamente o contrário. Elas conseguem representar uma enorme economia para os caminhoneiros. Isso ocorre, porque através da geladeira para caminhão, o motorista poderá carregar alimentos, que até então não poderiam ser levados, por conta da devida refrigeração que os mesmos necessitavam. Sem contar, que através dela, o caminhoneiro passa a economizar e muito nas refeições que faria enquanto estivesse na estrada.

Gastos com lanchonetes e restaurantes, normalmente são bem altos, assim como em conveniências que são cobrados em postos nas estradas. Pense com a gente, se você colocar na balança, vai perceber que os gastos que você tem diariamente com alimentação, são muito maiores em médio prazo, comparados com o gasto que você terá por comprar uma geladeira.

Através do dinheiro que será economizado em suas refeições, rapidamente você consegue pagar a sua geladeira. É um ótimo investimento e com retorno muito rápido. Assim, você poderá levar carnes, legumes, frutas e todos os outros alimentos frescos que você compra em locais de sua confiança.

Dica de economia financeira: Equilibre os custos

Para que você realmente tenha controle e economia caminhoneiro, coloque todos os gastos em uma planilha. Inclua aquelas despesas com alimentação, hospedagem e despesas pessoais. Dessa forma, fica muito mais fácil visualizar o quanto o faturamento precisa alcançar. Assim como os custos que precisam ser cortados. Além disso, guarde uma pequena porcentagem dos lucros para um fundo de reserva que possa ser utilizado em caso de quebras mecânicas ou acidentes.

Você segue alguma outra dica que considere relevante?

Então compartilhe suas dicas no comentário que certamente servirá a outros caminhoneiros!

Compartilhe este texto com seus amigos!