Hoje em dia, não há uma casa em que não exista uma geladeira, não é mesmo?! Seja em inox, ou linha branca, cada vez mais, este é um eletrodoméstico que faz parte da vida das pessoas, estando presente, inclusive, nos automóveis, tamanha é a variedade e importância desse equipamento. Contudo, como funcionam as geladeiras?

Primeiramente, que tal pensar na sua função social e na importância alimentar? Sem a refrigeração e o congelamento dos alimentos, podemos dizer que teríamos que jogar fora muitas coisas, não aproveitando ao máximo os nossos produtos e não cuidando dos nossos hábitos alimentares.

Como uma importante invenção da vida moderna, a geladeira promove a conservação dos produtos, não sendo mais necessário, por exemplo, que eles sejam salgados, como os nossos antepassados faziam.

A refrigeração, por meio da geladeira, conserva, assim, muito mais facilmente, os alimentos. Ao manter os produtos em baixa temperatura, diminui-se, basicamente, a proliferação de bactérias, o que permitirá que os produtos alimentícios demorem mais para estragar.

Como funcionam as geladeiras e quais são os seus componentes?

Se a geladeira proporciona a refrigeração e congelamento dos produtos no seu interior, torna-se necessário saber quais partes compõem esse eletrodoméstico.

Basicamente, pode-se dividir a geladeira nas seguintes partes:

  • Fluido refrigerante: Possui baixa pressão de vaporização e alta pressão de condensação. O freon é o fluido mais utilizado para refrigeração.
  • Condensador: Serpentina externa, localizada na parte de trás da geladeira, responsável por liberar o calor para o ambiente.
  • Compressor: Funciona como uma bomba de sucção, fazendo circular o fluido na tubulação, reduzindo e aumentando a pressão no sistema.
  • Tubo capilar: Diminui a pressão do vapor do fluido.
  • Evaporador: Faz a passagem do estado gasoso, absorvendo calor do congelador, e, ao deixar o evaporador, retorna ao compressor, reiniciando o ciclo.
  • Congelador: Localiza-se, geralmente, na parte superior do refrigerador, facilitando a criação de correntes de convecção interna, permitindo a mistura do ar em temperaturas diferentes no seu interior.

Então, ainda não entendi como funcionam as geladeiras

Resumindo: A ideia por trás da geladeira é muito simples. Para descrever melhor o funcionamento, lembre-se que, quando você está com calor, você passa água na pele e, assim, você sente um frescor, não é mesmo?! Na geladeira, o processo é semelhante, pois ela usa a evaporação de um líquido para absorver o calor. Como o liquido utilizado evapora a uma temperatura mais baixa, ele é capaz de criar temperaturas geladas no interior do refrigerador.

Quais são os tipos de geladeiras?

É importante notar que há diversos tipos de geladeiras e processos de funcionamento, podendo elas serem a gás e propano, a amônia e elétricas, por exemplo, sendo esta última um modelo muito comum em automóveis.

Não podemos deixar de mencionar também que há geladeiras para caminhão.

Portanto, reconhecer o funcionamento do dispositivo auxilia no seu uso mais consciente e adequado. A evolução dos eletrodomésticos permite, assim, no caso da geladeira, que tratemos melhor os nossos alimentos e as nossas bebidas, evitando o desperdício e possibilitando um pequeno luxo, que há algum tempo, para os nossos antepassados, não era possível, isto é, uma bebida gelada.

Compartilhe este texto com seus amigos!